4.1.18

palavras de amor

Exclusividade.

Os poemas que te dou
são de amor, naturalmente,
e feitos por mim quando me espanto
no meu canto encantador.

Certos poemas eu escrevo com os olhos
nos teus olhos, meu amor;
outros, muito longe de você.
A maioria,
com meu coração ainda pendente,
pulsando no peito de um amor
que às vezes encontrei
nos caminhos desta vida,
por acaso e de repente.

Algumas das poesias
eu as te fiz diretamente,
outras foram feitas para amores
diferentes,
mas depois eu as trouxe até aqui
— para você, naturalmente.

Muita coisa bela eu sinto por você
enquanto ainda estou colado
no outro corpoamante,
suspirando de amor também por ela,
alegremente.
E sei também que muitas coisas
que hoje você diz
já foram ditas para outros
— mas isso não lhes tira
a beleza e a semente.

Sei que essas palavras de amor
se repetem entre nós
com a mesma intensidade,
e muitas das verdades
que dizemos um ao outro
são bem ditas,
simplesmente,
com a mesma liberdade.

2 comentários:

Edson Marques disse...


Inexclusividade...

http://mude.blogspot.com.br/2018/01/palavras-de-amor.html

شركة ضي الرحمن disse...

شركة تنظيف مكيفات بالدمام