14.5.17

o poema bendito

Para expressar o que hoje ao teu lado senti
tem que ser a palavra que ainda não há.

Tem que ser o gesto amoroso
que ainda não feito,
e o poema bendito que eu nunca escrevi.

Um comentário:

Edson Marques disse...


Já fui ver minha Mãe hoje, como sempre, e amorosamente, como sempre.

http://mude.blogspot.com.br/2017/05/o-poema-bendito.html