21.3.15

gol

Sou artilheiro, mas não tenho pretensões de sempre marcar gol. Eu gosto mesmo é de ficar chutando as coisas por aqui. Às vezes a bola bate na trave, outras vezes vai lá na bandeira de escanteio...

É a vida.

2 comentários:

Edson Marques disse...


E adoro a Lei das Probabilidades!

http://mude.blogspot.com.br/2015/03/gol.html

Edson Marques disse...

Eu não escrevo para ser compreendido. Sou um poeta livre. Um samurai contemporâneo. Um mestre zen apaixonado por sua transitória condição de discípulo de Si mesmo, e que vive (es)colhendo metáforas nas árvores de groselha que a Vida tem.