11.7.14

pedras rolantes

As pedras rolantes são polidas pela própria natureza.

Pedra que não rola fica bruta. Cria musgo. Portanto, seja natural. Deixe-se rolar, livremente. Não estacione. Siga o curso sinuoso das águas vivas. Seja fluente na correnteza da vida. A felicidade é líquida. O verbo é um fluxo. A palavra amor é vibrante. Quem não muda não fala. Quem não muda não dança. Mude. Grite. Viva. Dance. Voe.

3 comentários:

Edson Marques disse...


Somos pedras rolantes!

http://mude.blogspot.com.br/2014/07/pedras-rolantes.html

As pedras rolantes não machucam. São suaves, delicadas, flexíveis...

É a vida!


Agora vou ao café preto e puro, com Deus e açúcar. E uma aula de mandarim, em seguida.


Pensando no poema da boca...


ᄊム尺goん disse...

[ coisa mais linda!!!
me derramei de amores,Poeta!!!)

beijo

Edson Marques disse...



Frase de hoje que publiquei no Facebook e no Twiter:


Hoje é um dia crucial...

Antes eu fazia planos. Agora eu faço com que eles se realizem.

Primeiro você tem que providenciar as asas.
Se tentar voar sem elas, vai se foder...

Às vezes o preço do voo é a queda. Mas eu acho que vale a pena.

Trazido pela noite de ontem, hoje brilha!

Saltar profundo não pode ser apenas o verso de um poema. Tem que ser uma filosofia de vida.

Contra a ignorância a lógica não tem força.

Todo momento é um grande momento. Não existem pequenos momentos.

Tem gente que faz pacto com Deus, e tem gente que faz pacto com Lúcifer. Eu, por via das dúvidas, faço com Ambos.

Quando meu espírito romântico me sobe à flor da pele, meu peito vira um jardim. E num segundo toda minha vida se torna uma eterna primavera.

O poeta tem licença poética para fazer de conta que tem razão, mesmo quando não a tem...

Depois de trinta anos estudando filosofia cheguei finalmente à frase perfeita:
— Foda-se quem for contra minha Alegria!



É a vida!