29.8.12

meio trem da vida

O trem da vida passa apitando alto, e resfolegando como um alazão furioso — mas você não o vê nem ouve. Porque você gasta a existência toda preparando malas. Você gasta a existência toda arrumando a bagagem, gritando com filhos e carregadores. Gritando com fantasmas e amores, pequeninos, cerceadores. E eu agora te pergunto: Quando é que você vai criar coragem — e subir de vez no trem da vida? Quando é que vai começar tua verdadeira viagem? Quando é que você vai abraçar a Glória e saltar profundo? Quando?

4 comentários:

Edson Marques disse...

Quatrocentos vagões e uma locomotiva enorme. E você não vê coisa alguma...
http://mude.blogspot.com.br/2012/08/meio-trem-da-vida.html
Será que é mesmo a vida?

Ana Carla disse...

"Não existe caminho para a felicidade. A felicidade é o caminho..." Quem foi mesmo, que disse isso?

Anônimo disse...

Penso nisso todos os dias... li e reli...saboreei cada palavra...

Denilce Luca disse...

Penso nisso todos os dias..li e reli...saboreei cada palavra..