11.2.12

os inteligentes se salvam

Há um conflito que come o teu lado de dentro. Ele come quase tudo: come teu desejo, come tua emoção, e vai comendo aquele restinho de cor e de brilho que você ainda possa ter. O desgraçado mata tua criatividade. Mata tua poesia, teu sexo, teu romance. Esse conflito é um monstro sem face sorvendo a tua força interior. Ele primeiro se alimenta do teu ânimo, e depois come o teu cansaço. Come o teu corpo — e depois devora o teu sossego, a tua paz. Devora a tua alma. Ele te abraça e te sufoca. Esse monstro se alimenta de tristeza. Mas, felizmente, nem toda tragédia tem que ser infinita. Há uma saída, há uma solução: — A solução é ser feliz.

Só os felizes se salvam.

Nenhum comentário: