27.6.13

politicos

Sem políticos não há democracia. Sem representantes do povo não há democracia. Democracia direta é só uma utopia bobinha. Portanto, nem pensem em eliminar os políticos. O que devemos eliminar são os políticos corruptos. Aliás, devemos eliminar não só os políticos corruptos — mas também os juízes corruptos, os professores corruptos, os policiais corruptos, os médicos corruptos, os empresários corruptos. Os vereadores, os prefeitos, e os governadores corruptos. E também os amigos corruptos — e os amores corruptos... Os corruptos e os burros! A corrupção e a burrice são duas pragas da humanidade. Abaixo a corrupção e a burrice!

Entretanto, bom ressaltar que não estou propondo a morte dos corruptos, mas sim que sejam afastados de seus cargos e funções, democraticamente. Tudo com muita elegância... Sem derramamento de sangue.

6 comentários:

Edson Marques disse...

Sem políticos não há democracia. Sem representantes do povo não há democracia. Democracia direta é só uma utopia bobinha. Portanto, nem pensem em eliminar os políticos. O que devemos eliminar são os políticos corruptos. Aliás, devemos eliminar não só os políticos corruptos — mas também os juízes corruptos, os professores corruptos, os policiais corruptos, os médicos corruptos, os empresários corruptos. Os vereadores, os prefeitos, e os governadores corruptos. E também os amigos corruptos — e os amores corruptos... Os corruptos e os burros! A corrupção e a burrice são duas pragas da humanidade. Abaixo a corrupção e a burrice!

Texto original, escrito agora.

http://mude.blogspot.com.br/2013/06/politicos.html

Edson Marques disse...

Quando eu digo "eliminar" não quero dizer matar. Eu proponho excluir democraticamente. Com elegância...

Edson Marques disse...

Um dado histórico: no Brasil, o aparelho de Estado só foi usado para para assassinatos e torturas por motivos políticos quando a Direita esteve no Poder. Com a esquerda no Poder, isso geralmente não acontece.

Não só no Brasil, mas também no Chile, na Argentina, no Uruguai...

Somos diferentes, não?!



Lembrem-se de 64!
Do Pinochet, do General Videla, etc.

Eduardo Freitas disse...

Não sei se irá sobrar muita gente...

Niuza Eugênia disse...

Como vai Edson? Vi seu comentario no Blog Aula de Português, onde fiz a postagem com a primeira frase de seu poema e respondi, já fazendo a alteração. Este blog eu criei junto com minha filha que atualmente está na Itália, quando ela foi a primeira vez em 2010, para intercâmbio. Ela usou para dar algumas aulas de Português para estrangeiro. E depois o blog ficou um pouco abandonado, agora estou atualizando. Meus blogs de trabalho são o de francês e o de informática para a prática pedagógica. Um grande abraço

Maria Luisa Adães disse...

Da Democracia

são filhas

as Grandes Ditaduras!

Maria Luísa