28.6.13

deus filosofia

Deus convidou-me a estudar filosofia, talvez para que eu possa questioná-Lo em certas coisas...

4 comentários:

Edson Marques disse...

Nesta madrugada, Deus — talvez Ele mesmo com segundas intenções — trouxe-me a Paloma e seus encantos.

Agradeci, amorosamente.

Edson Marques disse...

Quando digo que toda viagem tem retorno, parece que não sou bem compreendido. Aliás, nem é mesmo para ser: eu produzo metáforas — e quem produz metáforas não busca compreensão. Aquele outro que viajava com pássaros do céu e cheirava delírios do campo também não era muito bem compreendido... Porque o retorno a que me refiro não é apenas geográfico: é o retorno em termos de investimento, mesmo. É o lucro, o ganho, a vantagem — a experiência que uma viagem nos traz, mesmo que não haja o retorno físico para o lugar de onde se partiu. Até porque, nessa perspectiva, não há retorno efetivo jamais. Somos outros quando voltamos. Uma viagem nos transforma; às vezes para sempre — e de modo irreversível. Quem já fez ou conhece a história do Caminho de Santiago sabe disso. Quem já foi ao Monte das Oliveiras ou ao Pico do Jaraguá sabe disso. Quem já veio à Bahia em busca de aventuras e surpresas, sabe disso. Quem já saltou de pára-quedas ou desceu correnteza ou subiu as cachoeiras de São Francisco, também. Quem corre riscos com certa frequência, quem ama a liberdade absoluta — quem ama a Vida absoluta — sabe do que estou falando. Os destemidos e os loucos inteligentes sabem disso. Até Sêneca dizia que a sorte favorece os destemidos.

Lisa libanesa disse...

A vida é curta,tem mesmo que ser vivida em todos os aspectos dela...de acordo com a tua vontade!

beijos madrugantes....

Maria Luisa Adães disse...

Eu também tenho Filosofia
E falo com Deus!

E Ele me responde
todos os dias!

Maria Luísa