22.2.13

quatro coisas

Eu hoje te desejo as quatro coisas mais importantes do mundo: Tempo, Amor e Liberdade — e uma saúde inabalável!

E o meu conceito de Saúde vai muito além do corpo meramente físico. Não basta ter um corpo em forma, com tudo funcionando bem. Não basta ter o cérebro e os rins, o coração e as glândulas, as artérias e os músculos, o pulmão e o fígado — todos os órgãos, enfim — funcionando bem. É preciso também ter um crescimento emocional, intelectual e, principalmente, espiritual. Aliás, para mim, a Vida de um corpo (qualquer corpo) consiste na presença gloriosa do Espírito. Sem este, aquela se vai.

E às vezes me perguntam por que eu defendo como indispensável o crescimento intelectual — além do emocional e do espiritual. Minha resposta: porque a burrice também é uma doença. Tão imperdoável quanto a ira, a gula, o ódio, a inveja, o apego e a maldade. As igrejas costumam chamar essas coisas todas de "pecados", mas para mim são apenas doenças. Curáveis... Plenamente curáveis. Basta que o doente cresça. Emocionalmente, intelectualmente e espiritualmente. Fácil? Não muito. Mas não impossível.

3 comentários:

Edson Marques disse...

Ainda é madrugada, e Deus se faz Presente!
É a vida...
http://mude.blogspot.com.br/2013/02/quatro-coisas.html

ਹαqueline ઈઉ disse...

Saúde mental, com razão, eu concordo.

Gratissima disse...

Edson, boa noite!
Obrigada por me alertar sobre a autoria do seu poema MUDE.
Já corrigi a informação no meu blog.
Abraços.
Rosangela