8.12.12

spagheti alla jesus

Jesus não era vegetariano, pois adorava tagliatelle a Bologna. Mas, em noites mais amorosas, preferia spagheti al sugo. Está lá no Evangelho de Paritosh Keval. Como todo mestre zen, Jesus também cozinhava. Jesus também era humano… Depois do amor a dois, Madalena ainda rolando satisfeita nos tapetes da sala, Jesus ia pra cozinha, preparar um macarrão. Barilla. Pomodori pelati. Parmesão recém-ralado. Cabernet Sauvignon. Se não tivesse, ele pegava do pote... E assim a noite continuava — cada vez mais iluminada. Cada vez mais amorosa e brilhante. Divina.

7 comentários:

Edson Marques disse...

Para os crentes, Jesus era um Deus. Logo, merece um grande respeito. Para os ateus, Jesus não era Deus. Era só um Mestre Zen. Um filósofo. Logo, merece também um enorme respeito...

Portanto — em qualquer das hipóteses — flores para Jesus!

Suzi disse...

Seja menos econômico, além das flores, aposto e ganho, que ele adoraria uma taça do seu Cabernet!

sonia kahawach disse...

Bom dia, dileto!
Pra que seu amigo zen/filósofo e também Deus, pois todos somos feitos à imagem e semelhança, então cada um de nós leva um pedacinho da divindade, estou enviando um prato de toifes recheados de tâmaras, cobertos com mel de rosas. Vai uma garrafa de Arak que ele vai matar a saudade do gostinho de anis.
Afinal ele veio da Judeia e não pode ficar só com o Barilla e o santo vinho.
Quando v. fala dele acho gostoso, pois parece um ser de carne e osso que ressurge como um grande homem que deve ter sido e vai até sentar-se aqui pra um longo papo. Nunca imaginei que ele pudesse ser loiro de olhos azuis com aquela carinha de coitado, como colocam em "santinhos". Caminhava pelos desertos, sob sol forte. Deve ter sido (como até vi uma reconstituição recente) bem moreno, forte, de cabelos pretos, encaracolados, como os de sua raça (quase um beduíno).
Um lindo homem, com uma cabeça que brilhou e amedrontou na época e continuou brilhando pelo tempo afora. Aliás, o brilho de certos homens ilumina o mundo e sua luz não se apaga. Pronto, descambei logo cedo...
Carinhos para o tempo todo e que seja um lindo dia.

VIDA E LIBERDADE disse...

Ele, é sim, um verdadeiro amigo, pois não nos amaldiçoa a cada instante que cometemos algum "pecadinho"...Tenho-O aqui dentro de mim, e Ele se deixa levar conforme meu desejo.Quero um céu azul, tenho na hora!
Quero um sonho ainda não realizado e ainda pulsando dentro de mim, Ele diz," espere e conseguirá".
Converso de igual para igual, com nosso Deus!!! Ele é bem informal...me faz sentir à vontade ...por isso eu O amo....

Domingo maravilha a você....querido poeta!

beijos

Marilis

Edson Marques disse...

Sonia,

Gostei dessa forma livre com que você descreve Jesus.
"Um lindo homem, com uma cabeça que brilhou e amedrontou na época e continuou brilhando pelo tempo afora."

E amedrontando... rs!
Nos dois sentidos principais da expressão.

Flores...

Edson Marques disse...

Marilis,

Que bom que você conversa "de igual para igual" com Deus. Só assim podemos nos entender, reciprocamente. Aqueles que se ajoelham para falar com Deus nada entendem de relações divinas.

Flores...

sonia kahawach disse...

Esta madrugada fiquei pensando no Jesus que idealizo e como gostaria de saber pintar para retratá-lo...