24.12.12

presente de natal

O presente de Natal que eu quero te dar não pode ser comprado: Não tem nas lojas, nos mercados, nas feiras, nos balcões. Não é feito de plástico, não é eletrônico, nem precisa de manual. O presente de natal que eu quero te dar já está dentro do teu próprio coração. Basta que você agora o desperte para a vida: É o amor pela liberdade absoluta. É a admiração extrema pela Arte de Viver. É a defesa inabalável da ideia de justiça, de verdade e de prazer. A coragem deliciosa de sonhar transformações. A busca cotidiana por tudo que é sublime, e o doce desejo de sugar o açúcar de todas as coisas...
Feliz Natal!

6 comentários:

Edson Marques disse...

Para ser feliz, acordar!
Se não, não.
É a vida.
http://mude.blogspot.com.br/2012/12/presente-de-natal.html

sonia k. disse...

O melhor e maior presente: admiração pela Arte de Viver.
E sua contribuição diária para acender essa chama em todos que convivem com você é algo que não se apaga. O prazer de sugar o doce que a vida trás em cada instante é mesmo sublime. E você, filho de Deborah, é mensageiro escolhido. FELIZ NATAL!

Edson Marques disse...

SÓ QUEM ACORDA PERCEBE QUE TUDO NÃO PASSA DE UM SONHO.

Reflexo d'Alma disse...

Adoro viver delirando em sonhos!
E voce é parte dos dois.
Bjins

Ygo Maia disse...

Desejo um ótimo Natal a você e toda a sua família. Um abraço!

Lisa libanesa disse...

Recebi de você o presente que me enviou...Muito obrigada poeta...
Vou usá-lo amorosamente! Todo tempo do mundo!
A vida me ensinou ,que sonhar me faz feliz e viver...Tudo transformo, de acordo com meus desejos!
Você é o meu presente de sempre...diariamente vou desembrulhando-o um pouquinho por dia...e fico maravilhada!


Mais beijos!