21.10.12

johnny depp

Claro que Johnny Depp pode ter dito isso há muito tempo, muito antes do belíssimo filme Don Juan de Marco. Porque hoje, aos cinquenta anos, já mais maduro e experiente, o Sr. John Christopher Depp II deve ter feito crescer o seu coração solitário. Logo, é provável que já consiga amar duas (ou mais) pessoas ao mesmo tempo — e com a mesma gostosura. Até porque, do meu privilegiado ponto de vista, é um enorme desperdício ter um grande coração, e deixar nele um único amor. De qualquer modo, convenhamos, essa frase, supostamente dita por ele, tem um certo encanto — ainda que falso, se a olharmos bem de perto.

8 comentários:

Edson Marques disse...

Eu vi essa arte no Facebook, com a frase supostamente dita por Johnny Depp, e resolvi fazer uma intervenção poética sobre ela. Gosto muito de Johnny como ator, e vou escrever-lhe uma réplica...
Antes, vou almoçar.
E tomar um pouco de sol e muito vinho branco...
É a vida.
http://mude.blogspot.com.br/2012/10/johnny-depp.html

Edson Marques disse...

Na arte original, o nome dele já estava escrito errado, e eu o mantive assim.

12 meses de mudanças! disse...

Oi Edson!
Em que sentido do amor será que ele se referiu? Seria o amor monogâmico?
Será que seriamos capazes de amar mais de uma pessoa( no sentido de convivência de casamento nesta moral sociedade e sem conflitos? )
Somos presos a uma historia moral...não saberíamos dividir!
Mas somos capazes de amar várias pessoas, acredito!

Virgínia Viana disse...

Como faço para conversar contigo, compartilho da tua maneira de ver a vida embora ter alguns desejos diferentes. Esse é o meu blog http://ateliepontodevista.blogspot.com.br/ , queria muito trocar algumas idéias. Te aguardo caro Edson.

sonia kahawach disse...

Ah, o amor.... Tanto se diz sobre ele. Felizes os que amaram muito pela vida afora e continuam amando a vida.

Edson Marques disse...

Acabo de escrever isto lá no blog da Sonia:

O ciúme é uma faca cuja lâmina tem dois gumes — ambos ferindo de morte a própria Liberdade.

sonia kahawach disse...



e ela respondeu lá: cerceia a liberdade de ambas as partes...é a vida como diz v.

Amara Mourige disse...

Edson,
Parabéns pelo blog, o qual achei muito bom e tomei a liberdade de segui-lo.
Um grande abraço!
Amara
http://amaramourige.blogspot.com.br/