11.7.12

edson kerouac

Eu não me encanto com quem se diz normal. Acabo confiando mais nos loucos, esses que são loucos pra viver e pra dançar, para amar ou escrever. Loucos para serem salvos ou perdidos — tanto faz. São loucos por metáforas. Livres, fascinantes, criativos, desgovernados, querem tudo e querem nada ao mesmo tempo. Esses loucos explodem de alegria, e nunca desanimam nem dizem coisas tediosas. São loucos que nos excitam, elevam, inspiram, e queimam feito velas coloridas fabulosas acesas por relâmpagos em meio a flores e estrelas. São passageiros, como eu, como você. Duram pouco, como Jack Kerouac. Mas brilham — e isso faz toda a diferença.

Texto que escrevi hoje de madrugada, inspirado no Sermão da Montanha e em Jack Kerouac. Entre flores e estrelas, café feito com água benta, pássaros cantando e o amor de minha Mãe. /// A propósito: não deixe de ver o filme On The Road. Na Estrada: dirigido por Walter Salles.

6 comentários:

Edson Marques disse...

Texto que escrevi de madrugada, inspirado no Sermão da Montanha e em Jack Kerouac. Entre flores e estrelas, café preto, pássaros cantando e o amor de minha Mãe.

http://mude.blogspot.com.br/2012/07/edson-kerouac.html

É a vida...

Edson Marques disse...

Interromper por algum tempo um voo livre não mata o espírito pássaro que temos no peito. Mas, cortar-lhe as asas — sim.

Acabei de escrever isso no Facebook.

Edson Marques disse...

Hoje eu vou tomar tequila com Biotônico Fontoura.

Francisco Dalsenter disse...

A normalidade é a aceitação da mediocridade, mesmo que inconsciente...

Hoje entendo mais sobre a paixão por grandes clarões que mudam tudo ao invés do culto à uma pequena luz trêmula e duradoura.

Achamos que vamos viver pra sempre, por isso a aceitação pela mediocridade imposta por pessoas igualmente medíocres.

Temos que nos agarrar às nossas loucuras, elas vão nos levar à lugares maravilhosos e diferentes.

Todos os dias!

Abraço meu amigo poeta!

Francisco Dalsenter
http://muitomaisquesonhos.zip.net

VIDA E LIBERDADE disse...

Ler você é tomar injeções de ânimo, deliciosamente....
Adoro!

beijos

Lisa

Virgínia Viana disse...

Olá Edson, fiquei encantado com o seu trabalho, me identifico com tudo que você escreve porque compartilho do modo como você vê a vida, e quanto a esse texto para mim é uma incrível realidade, pessoas alternativas, diferentes me atraem o comum não considero atraente, mas acho que tudo se resumo no modo como as pessoas encaram a vida, e o modo como a vejo hoje é altamente mais interessante.