24.4.12

marido


6 comentários:

Edson Marques disse...

Isto eu disse ontem a uma senhora cujo marido só quer sossego. No lugar dele, talvez eu também quisesse.

Não são as pessoas que estragam o casamento: é o casamento que estraga as pessoas.

http://mude.blogspot.com.br/2012/04/marido.html

Mantidas, as proporções, esse meu texto também vale para as esposas. Não se case com a musa, eu diria aos meus amigos. Mas hoje eu não quero brigar com as mulheres... rs!

Tudo isso está no meu livro Solidão a Mil.

Edson Marques disse...

Com essa "coisa" que está aí no sofá — você quer viver grandes emoções?!


Não dá mais...

VIDA E LIBERDADE disse...

kkkkkkkkkkkk............ já tive essa coisa no sofá....agora meu sofá é para as visitas....só!!!!
Mas é isso aí, poeta.... o casamento é mesmo o que estraga as relações... não fosse ele muitos casais viveriam bem melhor!!!!

Bom dia, meu Sol!!!

Lisa

Liliane Moraes disse...

Não são as pessoas que estragam o casamento: é a convivência em excesso que estraga as pessoas.

http://alguemparaconversa.blogspot.com.br/

Edson Marques disse...

Eu diria, Liliane, que é a convivência não amorosa que estraga as pessoas. A convivência sufocante. A convivência não fundada na liberdade pessoal e no não reconhecimento de que o o outro tem direito de fazer escolhas.

Flores...

Edson Marques disse...

Quem já se libertou, Lisa, não volta mais ao cativeiro... rs!

Flores...