5.3.12

impossivel reger passaros

Pássaros livres não se deixam reger. O Google tentou até Villa-Lobos na imagem acima, sem sucesso. Mas, quanto aos pássaros que ouço agora, não lhes peço que cantem de modos diferentes, a cada dia. Adoro-lhes a algazarra e o caos do seu trinado. E quando preciso, eu interpreto a própria melodia ao escutá-la, sem que os coitadinhos tenham que variar as suas notas. Forçar um passarinho a cantar de modo outro, é como pedir-lhe que se enforque em suas próprias cordinhas vocais. Nas árvores da vida, cada galho é um Si bemol e cada folha, partitura.

Nenhum comentário: