25.11.11

minha alegria

Minha alegria não requer mais recompensa: ela mesma já se basta porque existe simplesmente.

Nenhum comentário: