29.8.11

iguais se atraem

OS IGUAIS SE ATRAEM

Um relacionamento de amor só dá certo e dura um pouco mais quando os dois parceiros amam muito a liberdade. Ou quando ambos a sacrificam, simultaneamente — se é que podemos dizer que "deu certo" um relacionamento em que a liberdade foi simplesmente assassinada. Mas a s evidências nos mostram que, se apenas um dos parceiros amar a liberdade, a coisa desanda muito mais rapidamente — e a separação é fatal.

Entretanto, há quem diga que são os diferentes que se atraem. Ou, como dizia Jacob Levi Moreno, o genial criador do Psiocdrama, os papéis são complementares: o opressor sempre encontra uma coitadinha, e a mandona, um babaca. Acontece que num relacionamento amoroso há inúmeras variáveis. Desde interesses econômicos em jogo até o desejo mórbido de oprimir, passando pelo medo neurótico da perda. Podemos ainda supor que na maioria dos casos, em relacionamentos ditos "amorosos", o amor sequer está presente.

Nenhum comentário: