11.11.07

loucura e loucura

A loucura obtida através da Dor é uma.
A Loucura que se consegue por meio do Prazer — é outra.
Completamente diferente.




Com relação a tal assunto, eu hoje penso exatamente assim: a loucura derivada do sofrimento é muito mais fácil de ser obtida, mas não tem graça. É feia. Acarreta esquizofrenia, neurose ou depressão, e requer tratamento. Pode acabar em internação sanatorial, ou em tragédias. No mínimo, acaba em tristeza.

A Loucura que eu amo - e considero indispensável - é aquela que se obtém por meio do Prazer escandaloso, contagiante, duradouro e sem maldade.

Nenhum comentário: